Ibero-American Journal of Exercise and Sports Psychology

SENTIDOS NA PROMOÇÃO DA BICICULTURA POR PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS SUL-AMERICANOS

RESUMO

Leandro Dri Manfiolete Troncoso, Sandra Soledad Troncoso Robles Dri Manfiolete, Sergio Alejandro Toro-Arévalo, Giuliano Gomes De Assis Pimentel, Rodolfo Franco Puttini

O objetivo desta pesquisa foi compreender as motivações existenciais que influenciam professores universitários sul-americanos na promoção da bicicultura. Foi empregada a abordagem qualitativa fenomenológica 4E Cognition dos processos cognitivos encarnados, situados, extendidos e enactivos. Em relação aos procedimentos metodológicos, foram realizadas entrevistas com cinco homens e uma mulher selecionados a partir dos critérios: a) docência universitária em Humanidades; b) atividades acadêmicoprofissionais com bicicleta; c) participação em movimento cicloativista. Na análise discursiva, resultaram as unidades de significado: 1) Ciclismo urbano como temática de pesquisa; 2) Articulação político-institucional para a mobilidade ativa; 3) Ensino-aprendizagem do pedalar na cidade geradores da categoria "Cultura da bicicleta como processo cognitivo-educativo”. Consideramos ser um dever institucional a promoção da bicicultura como alternativa emergente interdisciplinar de ensino, pesquisa e extensão com benefícios à comunidade universitária.

PDF
Top